Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

“Sem relações sexuais depois de um aborto?”

“A minha namorada fez um aborto e disseram-lhe que durante três semanas não devia ter relações sexuais, mas não lhe disseram porquê e ela também não perguntou. No entanto, um dia entusiasmámo-nos e acabámos por fazer amor, passada uma semana após ela ter abortado. Será que ela corre riscos graves por causa disso?”

 

Tiago, Massamá

 

Caro leitor,

Não foi nada prudente da vossa parte terem desrespeitado aquilo que vos foi indicado, pois o aborto, assim como um parto ou um aborto espontâneo, faz com que sejam danificados e removidos tecidos do útero. Deste modo, o organismo precisa de cerca de três semanas para poder cicatrizar por completo, e se esse tempo não for respeitado aumenta o risco de infecções e doenças, que podem ser mais ou menos graves. É também aconselhado que, durante esse tempo, as mulheres tomem duche em vez de banhos de imersão, e não usem tampões ou qualquer brinquedo erótico que se introduza na vagina, pois todas essas coisas dificultam e atrasam a cicatrização dos tecidos. Uma vez que transgrediram esta regra a sua namorada deve ser vista por um médico quanto antes, para que possa detectar alguma possível infecção. Febre, dores abdominais, perdas de sangue ou corrimento vaginal fora da normalidade são sinais de que o organismo não está bem e que devem ser tomados em atenção. Evitem ter relações sexuais nas próximas semanas, para que o organismo possa retomar o processo de cicatrização.