Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

“Nunca tenho orgasmos quando fazemos amor!”

“Eu e o meu namorado temos uma vida sexual muito activa e gostamos muito um do outro, mas acontece que não consigo ter orgasmos quando ele me penetra, por mais que ele se esforce. Consegue provocar-me orgasmos facilmente quando me faz sexo oral, mas não tenho prazer nenhum através do coito, o que nos deixa a ambos bastante frustrados.”

 

Laura, Santarém

 

Cara leitora,

A situação que descreve é mais frequente do que possa pensar, pois muitas mulheres têm dificuldade em ter um orgasmo através da penetração. As paredes vaginais possuem relativamente poucas terminações nervosas, e apenas a parte mais baixa possui as suficientes para ser estimulada pelo pénis, dedos, ou outro tipo de penetração. Por essa razão, é mais difícil ter um orgasmo quando o pénis está completamente introduzido na vagina, pois a parte que recebe maiores estímulos é a que tem menor sensibilidade aos mesmos. O facto de conseguir ter orgasmos pelo sexo oral indica pistas preciosas para que consiga tê-los também durante o coito. Procure compreender, durante o sexo oral, aquilo que lhe provoca o orgasmo, que tipo de estimulação é mais eficaz e de que forma consegue chegar “lá” com maior eficácia. Procure com a ajuda do seu namorado integrar essas carícias que a levam ao orgasmo pelo sexo oral e pela masturbação e usá-las com a masturbação.  Uma vez que o prazer da mulher vem sobretudo com a estimulação do clítoris, o seu namorado pode estimulá-lo com os dedos ao mesmo tempo que a penetra, aumentando dessa forma as hipóteses de sucesso.