Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

“Ele não me deixa ser ativa”

“Gostava de ser mais ousada em certas situações na minha vida sexual, mas o meu marido não me deixa. Ele ainda pensa que o homem deve mandar sempre e ter sempre a rédea da situação. Será que vai pensar assim para sempre?”

Maria, Ílhavo

Cara Leitora,

Através do seu relato pude depreender que o seu marido é um pouco conservador e estabelece algumas fronteiras quanto ao papel desempenhado pelo homem e pela mulher durante o ato sexual. Pelo que parece a mulher deve assumir um papel passivo e de aceitação, face à vontade dominadora do homem. Esta tendência há muito que não faz sentido na nossa cultura, por isso tente conquistar um espaço para o diálogo sobre este tipo de questão, mostrando ao seu marido que a vossa vida sexual poderia ser muito mais salutar se ambos tiverem um papel ativo. É bom que ambos possam sugerir fantasias, posições, novas experiências. Será uma conquista para ambos porque aos poucos poderá realizar descobertas que estimulam positivamente a vossa performance sexual e a predisposição para o alcance do clímax. O menos correto será apenas viver aquilo que, aparentemente, está institucionalizado: a posição de missionário, onde o homem domina a relação.