Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Devo aderir ao swing?

swingers-clubs.jpg

 

"Sempre fui feliz com a minha companheira, e sempre experimentamos, a nível sexual, tudo o que existia. Agora estou indeciso em aderir ao swing, talvez por desconhecimento ou receio, mas a verdade é que sinto uma forte curiosidade e a minha companheira partilha do mesmo interesse que eu, sendo que já abordámos este assunto por diversas vezes."

Alexandre - Odivelas 

 

Caro leitor,

O swinger encara a sexualidade desprovida de preconceitos, na qual há uma libertação de tabus e as fantasias ganham vida com outros casais, aceitando que o parceiro tenha relações sexuais com outras pessoas. Há efetivamente um envolvimento carnal e nunca sentimental. Os swingers encaram o casamento como um partilhar em pleno de uma vida a dois, valorizando a fidelidade emocional em detrimento da física. Por isso o que tem de perceber e discutir com a sua parceira é o que pretendem enquanto casal. A introdução desta nova prática sexual na vida do casal pode provocar profundas mudanças na forma de viver a vossa relação de casal e a vossa sexualidade. Procure, em conjunto com a sua parceira, ponderar os prós e os contras na adesão a esta prática, equacionando o que será melhor e mais proveitoso para ambos.

Tenho o fetiche de ser amarrada…

 

Tenho 29 anos e um dos meus fetiches é ser amarrada pelo meu namorado enquanto fazemos amor. No entanto, tenho vergonha de o dizer ao meu namorado, pois não sei o que ele vai pensar…”

 

Cláudia, Porto

 

Cara Leitora,

A sua fantasia não é nada fora do comum, por isso, a melhor forma de fazer com que o seu namorado realize a sua fantasia é falar com ele de forma directa. Ter fantasias sexuais e realizá-las com o parceiro pode ser bastante excitante e rejuvenescedor para a relação. Por isso, não tenha receio, pois converse com o seu namorado, aproveite para lhe perguntar se ele tem algumas fantasia que ele queira realizar, e se elas forem do seu agrado, ofereça-se para as realizar. Um relacionamento sexual saudável é composto de uma combinação de dar e receber prazer, aposte nisso.

“Ele quer tirar fotos de mim nua”

fantasia

 

O meu namorado faz muitas viagens de negócios, e ultimamente ele tem-me pedido para tirar fotos de mim nua para levar quando for viajar durante uns meses. Será que este comportamento é normal?…”

 

Cristina, Lagos

 

Cara leitora,

É natural e até positivo que ele queira levar recordações de si quando vai de viagem, pois dessa forma não vai recorrer a outros tipos de fantasias. Se se sente à vontade para deixar que lhe tirem fotos despida, vá em frente, mas antes de decidir, avalie o quão sólida é a vossa relação e o quanto confia no seu namorado, pois hoje em dia as fotos podem facilmente acabar por ir parar a uma página do Facebook, onde o mundo inteiro as pode ver. Pondere bem, pois um dia esta sua relação poderá acabar e estas fotos poderão vir a comprometê-la. 

“Sexo na banheira de Jacuzzi!”

sexo_no_jacuzzi_3431_orig

“Durante uma festa na casa de uns amigos, tentei ter relações com o meu namorado na banheira deJacuzzi. No inicio ele estava interessado, mas de repente ele ficou muito nervoso e não quis continuar. Porque será que ele fez isso?”

Neusa, Vila Nova de Gaia

 

Cara leitora

Os motivos para o comportamento do seu namorado podem ser os mais variados. Pode dar-se o caso dele ter ficado nervoso e com medo que alguém os apanhasse uma vez que não estavam na vossa casa mas sim na casa de amigos. Pode também dar-se o caso dele ter ficado tão excitado com a situação e ter ejaculado rápido de mais e ter vergonha de lhe dizer e dai ter optado por não continuar. Outra explicação possível é ele não ter achado muito confortável ter relações dentro de água, pois a água faz com que a mulher fique menos lubrificada o que juntamente com o cloro da água pode tornar a penetração um pouco dolorosa. A melhor forma de sabe é conversar com ele sobre o assunto e perguntar!!

 

Sonho com o meu instrutor de fitness!

Jones4FitnessPersonalTrainerinDC-challenge.jpg

 

"Considero que tenho um casamento harmonioso e por isso não entendo porque sonho constantemente com o meu instrutor de fitness. Sinto-me muito bem nesses sonhos. Apesar de amar muito o meu marido, penso se não estarei a traí-lo!"

Luísa - Setúbal

 

Cara leitora,

Muitas vezes é através dos sonhos que se colocam em prática algumas das fantasias que não se vive na vida real. A leitora sente-se atraída pelo seu instrutor de fitness, mas uma vez que é casada e não deseja trair o seu marido, o seu desejo por ele realiza-se através dos seus sonhos. Pelo que relata, o que nutre pelo seu marido é inquestionável e não está em risco. Por isso, o facto de sonhar com outro homem não quer dizer que queira concretizar esses cenários. São apenas fantasias e não atos de traição, pois em nada interferem na sua relação com o seu marido nem têm consequências diretas no seu casamento. Porém, se esses sonhos a estão a incomodar cabe-lhe a si decidir se deve continuar a ter o mesmo instrutor e se deve ou não contar ao seu marido o conteúdo dos seus sonhos. Parece-me que é uma questão de consciência. Faça o que for melhor para si e para o bem-estar do seu casamento.

"A pílula afecta os orgasmos?"

 

"Vou começar a tomar a pílula e gostava que me esclarecesse a respeito de uma dúvida que tenho quanto à sua interferência nos orgasmos. Enquanto algumas amigas me dizem que torna os orgasmos mais fáceis, outras dizem-me que os dificulta. Afinal, quem tem razão?"

 

Susana, Loures

 

 

 

Cara leitora,

 

Os efeitos da pílula não são iguais para todas as pessoas, até porque variam de acordo com a pílula tomada. Assim, a divergência de opiniões que as suas amigas tem relaciona-se não só com o facto de serem pessoas diferentes como também, certamente, com a diferença entre as pílulas que tomam. As pílulas, sejam de que tipo forem, enganam o organismo fazendo-o "crer" que engravidou, para que desta forma não liberte um óvulo. Contudo, as respostas sexuais do nosso organismo estão fortemente ligadas aos nossos níveis hormonais e seja qual for a pílula tomada ela pode diminuir a libido em algumas mulheres. Contudo, tenha em conta que os orgasmos resultam da combinação de fatores físicos e psicológicos, e que poderá contornar os eventuais efeitos da pílula aumentando o tempo de preliminares ou estimulando manualmente o clítoris durante a relação sexual. Há mulheres que têm maiores dificuldades em atingir o orgasmo, mesmo sem tomarem a pílula. É essencial aprender aquilo que despoleta o seu prazer para que, mesmo tomando a pílula, não sofra com os seus eventuais efeitos nocivos.

 

“A namorada do meu filho tenta seduzir-me!”

 

 

“Tenho um filho de 29 anos que ainda vive na minha casa. A namorada dele é uma jovem bastante atraente e costuma dormir na minha casa com bastante frequência. O problema é que quando fica sozinha comigo tenta seduzir-me. Eu recuso sempre as suas investidas, porém, já não sei como fugir mais, pois sinto-me bastante atraído por ela. O que me aconselha?”

Alberto, Vila Real

 

Caro leitor,

É natural que se sinta tentado, pois segundo o leitor a namorada do seu filho é bastante atraente e passa a maior parte do tempo na sua casa, mesmo quando o seu filho não está presente. Fez bem em recusar os seus avanços, pois envolver-se com ela só iria causar problemas na sua relação com o seu filho e na relação do seu filho com a namorada. Como acha que ele vai reagir ao descobrir que o seu próprio pai o traiu ao dormir com a sua namorada? Parece-me que ela é bastante insegura e que quer sentir poder ao seduzi-los aos dois. É natural que o leitor se sinta tentado a corresponder aos seus avanços pois isso fá-lo sentir-se mais jovem e dá-lhe a oportunidade para competir com o seu filho. Aconselho-o a evitar situações nas quais esteja sozinho com ela para que não se sinta tentado a fazer algo do qual se venha a arrepender.

 

 

“Procuro mulheres fora do casamento!”


 

“Sempre tive muitas aventuras e mulheres nunca me faltaram. Tenho uma família muito feliz e o ambiente é saudável. Mas, não sei porquê tenho tendência para a conquista. A minha esposa nunca desconfiou. Devo controlar esta tendência e omiti-la à minha esposa ou conto-lhe a verdade?

Óscar, Ajuda

 


Caro Leitor,

 

Apesar de mulherengo, o leitor preza a sua família, o amor que a sua esposa sente por si e o bem-estar entre todos. A estabilidade e o equilíbrio emocional são valores importantes para si.

Porém, existe um senão que contrapõe a tendência de coesão e de salvaguarda da família, ou seja, a sua vontade incansável de conquistar e de ter outras mulheres na sua vida.

Existe algo que deve ter em conta que é o facto de reconhecer que esse comportamento não é o mais correcto e que tem vindo a desrespeitar o seu matrimónio e a sua família.

O seu comportamento de conquista revela da sua parte alguma imaturidade e vontade de se afirmar perante as outras mulheres e mostrar a sua virilidade.

Quanto à sua dúvida, isto é, se deve ou não contar toda a verdade, cabe-lhe a si essa decisão e deve estar bastante consciente das consequências inerentes a isso. A reacção poderá não ser a melhor aquando da verdade. Pense bem e tenha a maturidade suficiente para saber arcar com as consequências dos actos irreflectidos destes anos todos.

“Ele faz amor sempre com a TV ligada!”

 

 
 
 

 

 
 
"O meu namorado gosta de fazer amor com a televisão ligada, o que me incomoda bastante. Não sei como devo proceder para que ele entenda isso sem ficar magoado, pois cada vez evito mais estar com ele por causa disso."
Carla, Évora
 
Cara leitora
Fale com o seu namorado, pois segundo diz essa situação incomoda-a muito, chegando mesmo a evitar ter relações com ele. Não deixe que algo tão simples de resolver interfira na vossa relação. Seja sedutora e diga ao seu namorado que a televisão a distrai, e que dessa forma não lhe pode dedicar 100% da sua atenção quando estão a fazer amor. Imagino que ele não será tão egoísta ao ponto de lhe negar o pedido, fazer amor é dar e receber prazer e não é justo que só ele receba! Tentem encontrar uma forma de resolver a situação que agrade aos dois. Se é o som que a incomoda, tenha a televisão ligada mas apague o som, se é a luz que agrada ao seu namorado experimentem usar velas, enfim, usem a imaginação.
 
 

Tema de hoje: fantasias

 

 

 

Ter fantasias sexuais é bastante saudável, no entanto quando a imaginação sexual é muito fértil, e as pessoas querem experimentar práticas sexuais alternativas, tais como o Sado-masoquismo, há que tentar estabelecer limites e regras. As regras dos jogos sexuais têm de ser acordadas por ambos para que, chegando a um determinado limite, o jogo acabe sem que haja dor. Nos jogos sexuais sado-masoquistas a excitação é conseguida através de técnicas sexuais com princípios que são por muitos considerados cruéis, pois podem aparentemente acarretar alguma dor. Pode-se considerar este tipo de jogos como fazendo parte do chamado Sadismo, no qual a pessoa que controla o jogo sexual tem prazer através do controle do parceiro. No entanto, nos jogos Sadomasoquistas a cada sádico corresponde um submisso, o masoquista, e é necessário existir por parte de ambos um acordo. É necessário que tenham atenção aos instrumentos utilizados, para que os actos não provoquem demasiada dor ou danos. Por isso, o casal deve escolher uma palavra-chave, e quando esta é dita por algum dos membros do casal o jogo erótico deve ser imediatamente interrompido.