Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Dicas sexuais

O orgasmo feminino acontece quando a mulher é estimulada e os músculos do seu corpo estão tensos e relaxam e produzem um conjunto de sensações que partem dos órgãos genitais.

 

Angelina Jolie por David Lachapelle

“Estou noiva mas apaixonei-me por outro!”

 

 

“Estou noiva de um rapaz de quem gosto bastante e com quem já namoro há 6 anos. No entanto, há dois meses atrás comecei a ter um “caso” com um colega de trabalho. Agora estou bastante confusa e não sei se devo casar com o meu noivo ou se devo acabar a relação.

 Ana Sofia, Santarém
 
Cara leitora,

O casamento é um passo bastante sério e representa um compromisso para a vida inteira. A leitora diz que há dois meses que mantém um caso com um colega de trabalho e por isso não sabe se deve casar com o seu noivo. Essa é uma decisão que só a leitora pode tomar, mas parece-me que se a leitora tem estado a trair o seu noivo com outro homem é porque alguma coisa não está bem no seu relacionamento com o seu noivo, caso contrário a leitora não sentiria o impulso de o trair. Pense bem antes de decidir levar por diante os seus planos para casar. O casamento é algo difícil e as probabilidades de divórcio já são tão elevadas entre casais que estão completamente apaixonados, agora imagine as probabilidades entre casais onde um dos membros não tem certeza se deve casar ou não! 

 

“Será que ela perdeu a virgindade?

 

 

“Tenho 15 anos e sou virgem. Namoro com uma rapariga de 14 anos que também é, e temos experimentado algumas práticas sexuais. Há umas semanas eu e a minha namorada mantivemos em contacto os nossos sexos sem haver penetração, mas quando a estava a masturbar apercebi-me que havia sangue e parámos, pois pensámos tratar-se do seu período. Ela diz que afinal não foi o período e não sabe o que se passou. Como ela é virgem, será que rompeu o hímen?

            Bruno, Évora
 

Caro leitor,

uma vez que a sua namorada é virgem, é bem possível que com as carícias resultantes da vossa aventura sexual ela tenha rompido o hímen. O hímen é uma membrana que cobre a entrada da vagina, e algumas mulheres têm hímenes bastante elásticos que não se rompem com tanta facilidade, enquanto que outras mulheres têm hímenes bastante sensíveis que se podem romper sem que haja qualquer tipo de penetração. Algumas mulheres rompem o hímen enquanto praticam ginástica ou equitação, enquanto que outras só o rompem durante o coito. Por isso, não se preocupe pois provavelmente o hímen da sua namorada rompeu-se enquanto o leitor a estava a acariciar. Será aconselhável, de qualquer das formas, que ela conte esta situação ao seu médico ginecologista.

“Ela acha-me gordo…”

“Há algum tempo atrás a minha namorada disse-me que eu estava mais gordo e isso está a deixar-me preocupado. Já pensei em fazer uma dieta, mas depois penso que ela deveria gostar de mim tal como sou. Não sei se é paranóia, mas acho que a atitude sexual dela tem vindo a mudar.”
 
José, Massamá
Caro Leitor,
Procure não levar tão a sério o comentário pouco feliz por parte da sua namorada, pois possivelmente ela não o fez por mal e provavelmente nem se deu conta da instabilidade psicológica que lhe causou com isso. A não ser que a sua obesidade seja tanta que ponha em risco a sua saúde, não se martirize com esse tipo de pensamentos, pois para além de o estar a perturbar psicologicamente está a afectar o seu desempenho e vigor sexual. Converse com a sua namorada sem tabus e mostre o quanto ficou magoado com aquela afirmação. Talvez o facto de achar que o comportamento da sua namorada está diferente também esteja relacionado com a sua mudança de atitude. O amor não tem a ver com a aparência física porque a cumplicidade e o respeito mútuo do casal é que são importantes para a solidificação de uma relação. Através do diálogo e de uma atitude compreensiva podem melhorar a vossa vida sentimental e estimular o desempenho sexual.

“Usei preservativo e engravidei!”

 

“Eu e o meu namorado sempre fomos bastante cautelosos no uso de contraceptivos. Porém, há mais ou menos 2 meses, numa das relações sexuais, o preservativo escorregou e o resultado foi uma gravidez! É normal que o preservativo escorregue?”
 
Maria, Faro
 
 
Cara leitora,
Como sabe não existe nenhum contraceptivo que seja 100% seguro, pois mesmo quando usados correctamente existe sempre uma minúscula possibilidade da mulher engravidar. O preservativo, quando usado correctamente, é um bom método de contracepção que funciona também como forma de protecção contra infecções transmitidas sexualmente. Quanto ao preservativo escorregar ou rasgar acontece a várias pessoas. O facto do preservativo ter escorregado do pénis do seu namorado, concerteza dever-se-á ao facto dele ter perdido a erecção durante a relação sexual. Como consequência da perda do preservativo, a leitora acabou por engravidar, pois é natural que os espermatozóides, ao entrarem em contacto com a vagina durante o período fértil, provoquem uma gravidez. O que deve fazer agora é consultar um médico que possa acompanhá-la da melhor forma. Seja cautelosa e não descure nenhum dos conselhos do seu médico assistente. Em situações semelhantes à sua e de modo a evitar uma gravidez indesejada existe um contraceptivo de emergência – pílula do dia seguinte – que é vendida apenas mediante receita médica e deve ser utilizada em situações de emergência e não como um método contraceptivo comum.

“Sinto-me atraída pelas minhas amigas …”


“Fui casada durante muitos anos, mas recentemente separei-me do meu marido porque ele era muito bruto comigo. Sei que se passa algo de muito estranho comigo, pois sinto-me atraída por mulheres. Estou preocupada, pois sinto-me bem assim…”

 

Margarida, Paços de Ferreira

 


Cara Leitora,

A atracção entre seres do mesmo sexo é algo cada vez mais comum nas sociedades contemporâneas. Porém, provoca ainda algum mau estar em quem assume tais sentimentos. Todavia, este é um assunto que tem vindo, cada vez mais, a ganhar a visibilidade necessária para abordar esta questão numa outra perspectiva e com a seriedade desejada.

O constrangimento e a instabilidade em que vive são perfeitamente compreensíveis devido à indefinição da sua orientação sexual.

Antes de mais, é importante que se sinta bem consigo própria para que possa definir o que se passa verdadeiramente consigo. Não se sinta diferente por optar por uma outra orientação sexual, pois tem todo o direito de optar por aquilo que verdadeiramente a faz feliz.

Assim sendo, caso veja que a atracção por pessoas do mesmo sexo é algo consistente, não tenha receio de assumir. O importante é definir muito bem se é isso que deseja para que não tome nenhuma decisão da qual se possa arrepender. Pondere com calma e seja feliz com a decisão que tomar.

 

Pág. 2/2