Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

“O meu marido tem um pénis pequeno”

 

 

“Estou casada há 5 anos e sempre achei
que o meu marido tinha um pénis pequeno. Apesar de não termos problemas a nível
sexual eu gostaria de saber se existe alguma forma de aumentar o tamanho do
pénis?”

Sara, Portimão

 

 

Cara leitora,

O tamanho do pénis
varia de homem para homem, mas geralmente essas variações não são muito grandes
e a grande maioria dos homem tem um pénis cujo tamanho permite a satisfação da
parceira. Existem no entanto alguns casos excepcionais nos quais o pénis é
extremamente grande ou extremamente pequeno, o que provavelmente não é o caso
do seu marido, pois quando digo pequeno estou a referir-me a alguns
centímetros. Existem de facto formas de aumentar o pénis tal como a cirurgia,
coisa que não recomendo a ninguém, pois a cirurgia apenas permite um aumento de
mais ou menos 1 centímetro, o que não justifica o seu custo, as dores durante a
recuperação e o risco de perda da sensibilidade no pénis. Existe outra forma de
aumentar o tamanho do pénis; a utilização de um género de prótese de extensão
que cobre o pénis da mesma forma que o preservativo. Esta manga é feita de
silicone e tem por objectivo aumentar o tamanho do pénis. A utilização desta
prótese pode parecer um pouco estranha para si, mas é a única forma de aumentar
o tamanho do pénis do seu marido sem ele ter de recorrer a cirurgia. Se quiser
converse com o seu marido e veja se ele está disposto a experimentar este
produto. De qualquer forma se a leitora não tem problemas de nível sexual com o
seu marido, significa que o tamanho do pénis não constitui um impasse para o
vosso prazer.

 

Posso ser infértil?

Há relativamente 6 meses, em consulta ginecológica de rotina, através de ecografia endovaginal, o meu médico descobriu um quisto no útero, disse que não seria nada de grave, mas fica sempre algum receio, principalmente no que diz respeito a saber se poderá influenciar uma gravidez ou não. Há algum tempo que não tomo a pílula. Mas não engravido. Será que o facto de não tomar a pílula pode agravar o quisto? Posso ser infértil?

 

Cátia Dias

 

Cara Cátia,

 

A existência de quistos pode sempre causar problemas na concepção, tanto ao nível da implantação do embrião no útero como em permitir que os espermatozóides cheguem ao óvulo. Uma vez que tem tentado engravidar sem sucesso, aconselho que consulte novamente um médico, talvez um médico diferente para que possa ter uma segunda opinião.

Boa Sorte!

 

Circuncisão ou não eis a questão?

 

 

Mesmo nos tempos que correm ainda existem
muitas mulheres que não percebem o que realmente é a circuncisão masculina, não
entendendo também por que razão deve ser realizada nos homens. Na realidade, a
circuncisão nada mais é do que uma intervenção cirúrgica que permite remover o
prepúcio, ou seja, a pele que cobre a glande do pénis. A tradição de fazer esta
intervenção nos homens é já muito antiga, mas na verdade pode prevenir alguns
problemas nos órgãos genitais, como infecções urinárias, inflamações no pénis,
etc e corrige ainda a fimose (incapacidade que um homem tem de expor a sua glande),
reduz o risco de doenças sexualmente transmissíveis, pois permite uma higiene
mais cuidada. A circuncisão pode ser realizada durante a infância ou já numa
fase adulta, e aí tudo depende das queixas que o indivíduo tenha.

Se já colocou, muitas vezes, a questão de
tentar perceber se um homem é ou não circuncizado basta reparar se o seu pénis,
quando não está erecto, possui a pele (prepúcio) que cobre a glande deste
órgão. Neste caso, não terá feito a intervenção, caso contrário, a pele não
cobre a glande do pénis, é porque foi circuncizado em algum momento da sua
vida.

 

 

“Desejo que a minha namorada me domine!”

 

 

 
 
“Namoro há um ano e sempre quis que a minha namorada me dominasse na cama. Gostaria que ela fosse mais agressiva, mas não sei como pedir-lhe que faça isso, tenho medo que ela me ache depravado.”2011-09-13
 
Miguel, Seixal
 
Caro leitor
Não existe mal algum em gostar de ser dominado quando faz amor com a sua namorada desde que a prática seja inofensiva. Existem milhares de homens e mulheres que partilham da sua preferência, o que pode até ser o caso da sua namorada. Pessoas que optam pela prática sexual sadomasoquista estabelecem regras bem claras para que nenhum dos intervenientes se magoe. Qualquer prática sadomasoquista deve ser consensual, segura, e deve ser terminada assim que um dos intervenientes o deseje. Seja ousado e provoque a sua namorada, leve um lenço de seda para a cama e peça que ela lhe vende os olhos, ou lhe ate as mãos enquanto fazem amor. Fale durante o acto sexual e diga à sua namorada como quer que o toque, isso pode ser bastante excitante para ambos. Dessa forma com certeza que ela vai realizar os seus desejos.
 
 
Tire todas as suas dúvidas em sexologia@sapo.pt

“Ela gosta de usar a minha roupa interior suja!”

“Namoro há uns anos e só recentemente descobrir que quando não estou em casa a minha namorada usa a minha roupa interior já usada. Será que há algum problema com ela?...”

 

 

Caro leitor:

Talvez a sua namorada tenha algum fetiche de usar a roupa intima do namorado. Se for esse o caso não há problema nenhum desde que tomem as devidas medidas de higiene. Como sabe o odores sexuais são fortes afrodisíacos, dai a grande atracão que despertam. Se esta atitude o incomoda partilhe os seus sentimentos com a sua namorada, seja franco.

 

Posso usar Vaselina como lubrificante?

Utilizei vaselina como lubrificante nas últimas vezes que tive relações sexuais, mas apercebi-me de que na caixa diz que é para uso “externo”. Será que a vaselina me vai fazer mal?

 

Sandra, Tavira

 

Cara leitora,

 

De facto a vaselina foi utilizada durante muito tempo como forma de lubrificante, mas a sua indicação mais adequada é para a pele seca em zonas não
genitais. Uma vez que a Vaselina é feita à base de óleo, as bactérias alojam-se com mais facilmente na zona da vagina, pénis ou ânus. Quando utilizados com o preservativo, os lubrificantes à base de óleo podem romper os preservativos mais facilmente, podendo originar uma gravidez indesejada ou uma Infecção Sexual. Desta forma os lubrificantes fabricados à base de água são mais recomendados, quer por não romperem os preservativos, quer por não causarem infecções bacterianas com tanta facilidade.

“O meu namorado tem erecções todas as manhãs!”

“O meu namorado acorda com uma erecção todas as manhãs mesmo depois de termos tido relações na noite anterior. Será que isso significa que ele está excitado e quer ter relações?”

Vânia, Seixal

 

Cara leitora,

Muitos homens e mulheres acreditam que só porque o homem tem uma erecção significa que ele está excitado e tem de ter relações, mas a realidade não é bem assim. O homem pode ter uma erecção mesmo sem estar sujeito a qualquer tipo de estímulo sexual e sem o intuito de ter relações. Muitos homens têm erecção matinal devido ao contacto com os cobertores ou devido à pressão na área genital resultante de terem a bexiga cheia. Por isso, o facto de o seu namorado acordar todos os dias com uma erecção não significa, obrigatoriamente, que ele queira ter relações mas sim que ele precisa de urinar. No entanto, existem pessoas que preferem ter relações de manhã devido a sentirem-se mais descansadas e com mais energia. Observe o comportamento do seu namorado e veja o que ele faz. Se ele a procurar com mais frequência de manhã significa que ele prefere ter relações a essa hora, mas por opção pessoal e não porque tem de ter relações só porque acordou com uma erecção!

 

“A minha mulher tem pouca lubrificação…”

 

“A minha mulher tem muitas dores durante o acto sexual devido a ter dificuldade em ficar lubrificada. A que se deve essa dificuldade?”

João, Castelo de Vide

Caro leitor,

Algumas mulheres necessitam de mais tempo para atingir uma lubrificação que permita  que o coito seja praticado de forma confortável. Para evitar que a sua mulher tenha dores durante a penetração é importante que ela esteja bem lubrificada antes de inserir o pénis, e isto pode ser conseguido através de
preliminares mais demorados. Use e abuse da sua imaginação para que possa excitar a sua esposa, pois a excitação ajuda bastante no processo de
lubrificação. Esta fase dos preliminares é importante para que se conheçam as zonas erógenas do parceiro de forma a promover uma relação satisfatória.
Experimentem outras posições sexuais, pois algumas posições são absolutamente desconfortáveis para as mulheres, minorando a lubrificação e dificultando a penetração. Pode também recorrer a utilização de um gel lubrificante que pode ser utilizado no sexo vaginal e anal antes da penetração. 

Experimente o Kamasutra!

couple-sexual-kamasutra-love-activity-silhouette-o

 

Em movimento

Sente-se numa cadeira (se tiver rodinhas é melhor ainda), e ele encaixa-se em si. Com os pés apoiados numa mesa, é você quem orienta os movimentos no caminho para as sensações.

 

Chão de estrelas
De costas para ele, curve o corpo para a frente, até apoiar as mãos no chão (se flexibilidade não for o seu forte, pode dobrar os joelhos). Faça-o encaixar por trás, abraçando-a pela cintura. Se o seu parceiro for muito impetuoso, pode usar uma almofada para apoiar as mãos.

 

Continue a praticar

Agora que experimentou estas duas posições práticas do Kamasutra, eleve o corpo e o espírito a outros domínios, continue a experimentar e quem sabe a reinventar o Kamasutra e consiga obter orgasmos cósmicos. A relação vai sair mais fortalecida depois desta aventura do Kamasutra.

 

Para que consiga tirar o máximo de prazer desta forma de fazer amor, não se esqueça de alguns truques que fazem a temperatura subir ainda mais:

- Enquanto está a fazer amor com o seu par pense nas suas fantasias mais loucas e selvagens, sem medos nem tabus. Deixar que o seu cérebro viaje para terrenos que nunca ousou pisar aumenta a sua excitação.

- Esqueça tudo o resto! Deixe o seu trabalho, os seus filhos ou o que se passa na rua ou na televisão para depois. Neste momento, só existem vocês os dois.

- Relaxe bastante! Se estiver tensa ou cansada peça ao seu companheiro que lhe faça primeiro uma massagem e desfrute de cada sensação, concentrando-se nas reações do seu corpo a cada toque.

- Encha o peito de ar! Ao inspirar com profundidade enquanto contrai a zona pélvica aumenta o fluxo sanguíneo nesta área, potenciando o orgasmo.

Chocolate: o rei dos afrodisíacos

Chocolate-City.jpg

 

O chocolate é considerado como o rei da comida em todo o mundo. Quimicamente, e culináriamente, o chocolate é um dos alimentos mais mágicos e tem sido considerado por muitos como a "comida dos deuses", já foi usado como dinheiro, valorizado na medicina e, acima de tudo, considerado como um poderoso afrodisíaco. Poucos alimentos além do chocolate são tão misteriosos e têm um efeito químico tão poderoso para o cérebro e corpo. Não só porque os químicos neuroativos do chocolate produzem uma sensação de bem estar, mas também porque a perfeita combinação do doce e da gordura encontradas no chocolate (um bombom de chocolate tem 50% de açúcar e 50% de gordura) estimulam os pontos de prazer e a produção de endorfinas no cérebro. Os hidratos de carbono encontrados num bombom de chocolate também aumentam os níveis de seratonina no cérebro, um químico que eleva e estabiliza o estado de humor.

 

Soufflé de chocolate com molho de framboesas

Molho de framboesa

Prepare este molho um dia antes de se comer a sobremesa.

- 1 Xícara de framboesas frescas

- ½ Xícara de açúcar

- 1 Colher de sopa de sumo de limão

- 1 Colher de sopa de cognac

- 1 Colher de sopa de fécula de batata

Misture as framboesas com açúcar e leve ao lume até começar a ferver. Passe as framboesas por um passador para remover as sementes. Ponha mais açúcar se precisar. Bata a fécula de batata com o sumo de limão e o cognac. Ponha a ferver o creme de framboesa e misture com o preparado de fécula e deixe cozinhar até ficar espesso. Deixe arrefecer e use-o em qualquer sobremesa, fruta ou qualquer parte do corpo. Mantém-se no frigorífico por duas semanas.


Soufflé de Chocolate

- 150 gr. de chocolate de culinária

- 3 Gemas de ovos

- 3 Claras

- 1 Colher de sopa de margarina

- 1 Colher de sopa de farinha de trigo

- 2,5 dl de leite

- 4 Colheres de sopa de açúcar

- Açúcar em pó para polvilhar no fim

- Framboesas

Misture um pouco do leite com a farinha. Ferva o resto do leite com o açúcar. Derreta o chocolate em banho-maria, junte o leite morno e o leite com a farinha. Mexa tudo muito bem. Ponha em lume brando a preparação do chocolate e da farinha até engrossar e ferver. Retire do lume e ponha por cima a margarina em pedaços.

Num outro recipiente, bata as claras em castelo, de modo a que fiquem bem firmes. Junte as gemas ao creme de chocolate, misture bem e vá juntando as claras em castelo, misturando tudo muito bem, sem usar a batedeira.

Unte bem com margarina a forma de soufflé. Deite então na forma e ponha a cozer durante aproximadamente 30 minutos. No fim deite o molho de framboesa e polvilhe com o açúcar em pó.