Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Videos pronográficos para mulheres?

 

 

Tenho 37 anos e sou casada. O meu marido quer que eu veja filmes pornograficos com ele, mas eu nao gosto dos filmes que ele escolhe. Existem alguns filmes feitos para mulheres?

Maria, Gondomar,

 

Cara leitora,

Realmente a maioria dos filmes pornograficos sao feitos a pensar no homem e nao na mulher, e por isso acabam por nao ter muito enrredo ou romance. Existem no entanto alguns filmes realizados tendo a mulher em mente, ou seja, filmes que apesar de terem sexo explicito tem em conta aquilo de que as mulheres gostam de ver. Estes filmes tem por objectivo excitar as mulheres sexualmente atravez de senarios e enrredos romanticos com imagens sensuais em vez de cenas de puro sexo. Desta forma a leitorea pode experimentar alugar ou comprar alguns filmes feitos por Betty Dodson, Veronica Hart, Nina Hartley, ou Candida Royalle.

“Gostava de fazer um filme pornográfico com ele!”

 

 

Comecei a ver filmes pornográficos com o meu namorado há uns meses atrás e desde aí que me apetece fazer um de nós os dois, mas tenho vergonha de lhe pedir e que fique a pensar que sou tarada sexual. Acha que posso fazê-lo? É pedir demais a um homem? E depois como posso ter a certeza que ele não mostra a ninguém?”

 

Joana, Évora

Cara Leitora,

Ver em conjunto filmes pornográficos e encená-los vocês mesmos é saudável para a vossa sexualidade, se concordarem e gostarem os dois de o fazer. Desde ver nos outros até encenarem na vossa privacidade a distância é pequena, pelo que não me parece que deva ter problemas em mostrar essa sua vontade e fantasia ao seu namorado. Até porque depois terão novos filmes para ver em conjunto e feitos mesmo à vossa medida! Exprimir os nossos desejos e fantasias, partilhá-los e comunicar é muito importante para uma relação a dois ser saudável!

A questão da confiança e o risco de que ele mostre a alguém tem de ser avaliado por si – o risco de serem expostos (vocês os dois) compensa o prazer que sentirá? Ele não terá também o mesmo receio que a leitora de que mostre a alguém? Será que não podem apagar depois de alguns visionamentos para que se sinta mais segura?

Só a comunicação e o compromisso de respeito pela vossa própria privacidade pode decidir esta situação. Falem sobre os vossos desejos e receios e divirta-se com o prazer das suas experiências! 

“Fantasia filmar cenas de sexo!”

“Eu e o meu namorado temos uma relação muito boa, mas ele tem insistido em filmar as nossas relações. Não sei se o devo fazer pois tenho receio que ele mostre o filme a alguns dos seus amigos.

Ana, Bragança

Cara Leitora,

 

Para que este tipo de fantasias decorra da melhor forma é importante que exista confiança e, essencialmente, cumplicidade entre o par. Se de facto, existe a possibilidade de que a vossa intimidade seja partilhada com terceiros, seja prudente na decisão que tomar, pois não vá a cassete acabar na internet. Fale abertamente com o seu namorado e fale-lhe dos seus receios, e se necessário Peça para ele assinar um “contrato” no qual ele se
compromete a não mostrar as filmagens a ninguém, dessa forma poderá reduzir as probabilidades de ele vir a mostrar a cassete a terceiros, pois e sabe que pode ser penalizado por isso. Se mesmo assim, não ficar convencida, lembro-lhe que existem outras brincadeiras que podem estimular o prazer e trabalhar a sua sensualidade.

 

“Gostaria que a minha namorada visse filmes pornográficos comigo”

Gosto de ver filmes pornográficos e gostaria que a minha namorada os visse comigo, mas tenho medo da reacção dela e que isso possa
afectar a nossa relação. O que devo fazer?”

 

Pedro, Almornos

 

Caro Leitor,

O melhor que pode fazer será experimentar para ver o resultado. Se acha que o seu relacionamento precisa de uma mudança em termos sexuais por ser marcado pela monotonia, o visionamento de filmes pornográficos em conjunto pode ser estimulante para ambos e dar um novo alento à relação e também para implementar alternativas às relações sexuais que têm mantido. Ninguém melhor do que o leitor para saber qual será a reacção da sua namorada relativamente a este tipo de assunto. Se ela for uma pessoa muito reservada e que se reja por valores e conceitos tradicionais, será melhor ir com calma para ver de que modo poderá introduzir esta inovação nas vossas vidas. Ao visionar este tipo de filmes com a sua namorada vai permitir que haja uma maior cumplicidade entre ambos e uma nova perspectiva do sexo. Esta prática pode oferecer a possibilidade de se sentirem excitados só pelo simples facto de observarem outras pessoas a terem relações sexuais, ou seja, serem Voyeurs dentro dos limites da segurança, na privacidade do vosso lar. Poderá verificar que o simples visionamento lhe provoca uma estimulação diferente e uma relação sexual muito satisfatória. Em relação à sua namorada, esta poderá ser uma das melhores e mais rápidas vias até ao orgasmo, facilitando muito o acto sexual. Se, depois de experimentarem,
verificar que só desta forma conseguem ter uma relação sexual satisfatória, então será melhor evitar este tipo de estimulação sexual de forma a não afectar o vosso relacionamento.

Tema de hoje: casal

(Jerry Clovis)

 

 

 

Vejo em filmes pornográficos e gostava muito de experimentar sexo anal, mas a minha namorada não quer, diz que é sujo e tem medo. Como a posso convencer? Há alguma maneira de lhe explicar que ela até pode gostar e de a levar a fazê-lo?

Diogo
Caro Diogo,
Não o posso ajudar a convencer a sua namorada: tem de ser o leitor a perceber se a relação que têm lhe permite experimentar uma prática sexual nova e se isso faz sentido para os dois. É importante fazer a sua namorada sentir-se respeitada na sua sexualidade, para que aprecie as vossas relações sexuais. O que se vê nos filmes pornográficos não é necessariamente o que as mulheres preferem nas relações sexuais.
Esta prática pode realmente ser dolorosa para a mulher, pelo que estar confiante e excitada, ao mesmo tempo que relaxada, é muito importante para que sinta algum prazer. Como é uma área genital menos flexível que a vagina há mais probabilidades de fazer fissuras ou feridas e devem ter cuidados para que tal não aconteça, pois aumenta as probabilidades de contrair infecções.
Há modos de tornar o sexo anal higiénico e confortável: usar preservativo e lubrificante à base de água, estar bem relaxada, para prevenir problemas no ânus, tentar a penetração depois de um bom período de excitação e se houver penetração vaginal deve ser com um preservativo diferente do utilizado para a penetração anal, nunca deve passar do ânus para a vagina com o mesmo preservativo.
A vontade de ter novas experiências sexuais é saudável para um casal, por isso tente encontrar coisas que vos estimule aos dois: brinquedos eróticos, posições novas, novos lugares – espero que diversifique a sua vida sexual e partilhe o prazer com a sua namorada o melhor possível!