Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Sexo oral à la carte

lips-mouth-saliva-tongue-2525380-1920x1200.jpg

 

"Dar um linguado"… nos lábios vaginais. Peça ao seu mais-que-tudo que repita "em baixo" exatamente o mesmo que faz com a sua boca…

 

Dentadinhas de amor - com muito cuidado para não aleijar, umas dentadinhas aqui e ali – ao de leve – podem surtir resultados inesperados.

 

"Cornetto de amor" - peça-lhe que imagine que está a comer um cornetto e que a sua língua reproduza os mesmos movimentos de quando está a lamber o fundo do cone de bolacha…

 

Variações de ritmo - quer seja ao lamber, quer seja ao chupar, as diferenças de intensidade e de ritmo provocam espasmos de prazer.

 

Quente e frio - soprar ar quente, afastar-se da entrada da vagina e soprar ar frio.

 

Borboletas e esquimós - o leve roçar das pestanas dele e os famosos "beijos de esquimó" – em que o nariz esfrega levemente a pele – causam calafrios muito agradáveis. Com a língua, entra e sai da vagina ou da parte interior dos lábios, "penetrando-a".

O bê-a-bá do sexo oral

conocimiento-adictamente (11).png

 

1 - Dispa-lhe as cuecas ou boxers com cuidado, puxando suavemente para baixo enquanto lhe vai mordiscando a pele das virilhas e do interior da coxa.

2 – Segure o pénis pela base, com a mão, de forma firme mas sem apertar.

3 – Explore diferentes movimentos, lambendo-o de baixo para cima e no sentido inverso, usando a totalidade da língua ou apenas a ponta.

4 – Páre em diversos pontos e chupe suavemente, mordisque, desenhe círculos com a língua. Deixe que as suas próprias sensações a guiem.

5 – Alterne movimentos lentos com outros mais rápidos e ávidos.

6 – Quando ele já estiver bastante excitado, introduza a cabeça do pénis na boca e acaricie-a com a língua em movimentos vigorosos, subindo e descendo como se estivesse a chupar um Calippo delicioso.

7 – Acompanhe com a mão, agarrando o pénis e subindo e descendo ao ritmo da excitação.

8- Continue a alternar os movimentos, alterne as carícias na cabeça do pénis com outras na base e no freio. Use os lábios e a língua, seja mais cuidadosa quando usar os dentes. Não esteja sempre focada num ponto, é muito mais excitante se deixar o pénis por breves instantes para mordiscar, beijar e lamber as coxas e virilhas, para voltar depois ao "cerne da questão". Não tenha medo de chupar com vigor quando ele está já bastante excitado, mas tenha muito cuidado para não o aleijar com os dentes.

9 – Alguns homens gostam que lhes acaricie os testículos com a mão enquanto lhe faz sexo oral, mas seja cuidadosa pois são órgãos muito sensíveis.

10 – Quando ele estiver quase a ter um orgasmo, olhe-o fixamente nos olhos enquanto a sua boca o mima.

Dar largas à imaginação

oral-sex-and-cancer.jpg

 

Em espiral – Acaricie o pénis com a língua, que se movimenta em círculos à volta dele, fazendo-o "girar" também, ao mesmo tempo que entra e sai da boca.

 

Aspira-prazer – Chupe o pénis até introduzir metade na boca, depois liberte suavemente a pressão que se criou na boca e deixe o pénis sair lentamente. Volte a chupar vigorosamente até metade, libertando lentamente de seguida.

 

À descarada – A imaginação é o mais poderoso afrodisíaco. Faça-lhe sexo oral enquanto ele está ao telefone, por exemplo, o que o deixará confuso e excitado.

 

Derreter o gelo - Brinque com as diferenças de temperaturas, provocando sensações opostas. Experimente por uma pedra de gelo na boca e desenhar um oito na virilha ou na parte interior da coxa, intercalando com lambidelas e chupadelas no pénis (cuidado para que o gelo não toque diretamente na cabeça do pénis, faça com que apenas tenha contato a sua língua gelada).

 

Sem falta de chá – ponha um copo de água gelada e uma chávena de chá quente por perto. Vende os olhos dele com um lenço. Comece a fazer-lhe sexo oral e, à medida que ele se entusiasma, beba alguns goles de chá quente, continuando a lamber e a chupar o pénis. Molhe a mão no copo de água gelada e acaricie-lhe vigorosamente o pénis, em simultâneo, com a mão gelada e a boca quente. Pode, também, alternar os goles que dá no chá quente e na água gelada.

 

Toque de frescura – Lave os dentes imediatamente antes de fazer sexo oral, enquanto a sua boca ainda está fresca e mentolada.

 

Topping doce – Deite por cima do pénis nuvens de chantilly e lamba-as deliciada, como se de um gelado se tratasse. Também pode experimentar com leite condensado, chocolate…

Onde e como devo tocar-lhe?

 

 

Iniciei a minha vida sexual há pouco tempo e quando estou a fazer amor com o meu namorado fico nervosa porque não sei onde nem como devo tocar-lhe para o deixar mais excitado, pois sou inexperiente… pode ajudar-me? Onde é que os homens gostam de ser acariciados, e de que maneira?”

 

Teresa, Espinho

Cara leitora,

A descoberta da sexualidade e a exploração do corpo da pessoa amada é uma experiência maravilhosa e cada momento é inesquecível. Acima de tudo, e para além de qualquer regra sugerida por outros, dedique-se a conhecer o corpo do seu namorado em particular, estando atenta a todos os seus movimentos e à reação que cada gesto suscita nele. A pele possui um elevadíssimo potencial erógeno, sendo capaz de provocar desejo e excitação. Experimente acariciar com a ponta dos dedos, com os lábios, com a língua, com os seus seios e com qualquer outra parte do seu corpo as mais variadas partes do corpo dele. Pergunte-lhe se gosta, se prefere de outra forma. Não seja demasiado insistente, mas esteja sempre atenta ao feedback dele, à sua respiração, aos estremecimentos do seu corpo. Experimente acaricia-lo com o seu cabelo, se tem cabelo comprido, e varie o tipo de toques, alternando entre roçar ligeiramente e agarrar com firmeza, por exemplo. 

Treine-se para arrasar no sexo oral

sexo-oral.jpg

 

Para evitar dores musculares na língua e nos maxilares depois de uma sessão tórrida de sexo oral convém que faça alguns exercícios de "aquecimento" com regularidade:

- Assim, abra bem a boca, deite a língua de fora e estique-a para baixo, o mais para a frente que puder.

- Os maxilares devem estar bem relaxados. 

- Descaia o maxilar inferior e levante a língua, esticando-a até ao nariz.

- Movimente-a para a esquerda e para a direita. 

-  Para relaxar, deixe a boca ligeiramente aberta. 

- Use a ponta da língua para massajar a parte da frente do céu da boca.

 

Note bem: o sexo oral também comporta riscos para a saúde e a possibilidade de contrair infeções e doenças sexualmente transmissíveis, pelo que deve usar preservativo e ser criteriosa na escolha de parceiro sexual.

O bê-a-bá do sexo oral

conocimiento-adictamente (11).png

 

1 - Dispa-lhe as cuecas ou boxers com cuidado, puxando suavemente para baixo enquanto lhe vai mordiscando a pele das virilhas e do interior da coxa.

2 – Segure o pénis pela base, com a mão, de forma firme mas sem apertar.

3 – Explore diferentes movimentos, lambendo-o de baixo para cima e no sentido inverso, usando a totalidade da língua ou apenas a ponta.

4 – Páre em diversos pontos e chupe suavemente, mordisque, desenhe círculos com a língua. Deixe que as suas próprias sensações a guiem.

5 – Alterne movimentos lentos com outros mais rápidos e ávidos.

6 – Quando ele já estiver bastante excitado, introduza a cabeça do pénis na boca e acaricie-a com a língua em movimentos vigorosos, subindo e descendo como se estivesse a chupar um Calippo delicioso.

7 – Acompanhe com a mão, agarrando o pénis e subindo e descendo ao ritmo da excitação.

8- Continue a alternar os movimentos, alterne as carícias na cabeça do pénis com outras na base e no freio. Use os lábios e a língua, seja mais cuidadosa quando usar os dentes. Não esteja sempre focada num ponto, é muito mais excitante se deixar o pénis por breves instantes para mordiscar, beijar e lamber as coxas e virilhas, para voltar depois ao "cerne da questão". Não tenha medo de chupar com vigor quando ele está já bastante excitado, mas tenha muito cuidado para não o aleijar com os dentes.

9 – Alguns homens gostam que lhes acaricie os testículos com a mão enquanto lhe faz sexo oral, mas seja cuidadosa pois são órgãos muito sensíveis.

10 – Quando ele estiver quase a ter um orgasmo, olhe-o fixamente nos olhos enquanto a sua boca o mima.