Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Rapidinhas: surpreenda o seu par!

sexo2.jpg

 

Surpresa é uma palavra que só de a dizermos já imaginamos algo inesperado, criativo, e que dá um toque especial e diferente à nossa vida. Quem não gosta de ser surpreendido? Pequenas surpresas no dia-a-dia ajudam a quebrar a rotina da vida em casal e são deliciosas. Deixe o seu companheiro surpreendido e com água na boca. Use a sua criatividade para proporcionar momentos divertidos de prazer e extase.

 

Os dias são todos iguais, o seu companheiro chega a casa, jantam, vêm tv e vão para a cama? Surpreenda-o mal ele entre em casa. Apareça à sua frente apenas de robe de cetim, diga-lhe que tem uma dor na perna e peça-lhe para a acompanhar ao quarto. Ele ficará surpreendido pois o quarto estará envolvido num clima bem "caliente", com velas, incensos e pétalas de rosa em cima da cama. Dispa o robe e mostre-lhe a lingerie sexy que comprou e acaricie-o. Depois diga-lhe que o jantar está pronto e saia do quarto. Ele ficará louco e vai pensar em tudo menos no jantar.

 

Depois do jantar, ponha a tocar um CD com músicas sensuais e mostre-lhe um lenço de seda, depois vende o seu companheiro. Comece por lhe tirar a roupa bem devagar, ao ritmo da música, esfregando o corpo no seu e sussurrando o que lhe quer fazer. Quando ele estiver nu, brinque com o corpo dele até o deixar maluco e depois retire-lhe a venda – ele irá ver o que tem vestido, aposte numa lingerie bem sexy, com cinto de ligas e saltos altos, ele vai ficar surpreendido e vai ser uma noite inesquecível.

 

Que tal surpreender o seu par com um fetiche, vista-se de médica: avental branco curto, saltos altos, cabelo preso com um coque e um estetoscópio no pescoço! Trate-o como se fosse um paciente, diga-lhe para tirar a roupa toda para que o possa examinar. Apalpe cada parte do seu corpo, faça diagnósticos, e não saia da personagem nem por um segundo.

 

De manhã (ou à noite) deixe-o ir tomar banho, quando ele já estiver molhado entre na banheira ou no duche e surpreenda-o, diga-lhe que o quer lavar. Pegue numa esponja, coloque o gel duche e com movimentos suaves e sensuais, pode ir também dando uns beijinhos suaves na pele, comece pelos ombros, desça pelas costas e pare. Depois comece de novo pelo peito, desça pela barriga e pare. Recomece nos pés, percorra as pernas e os glúteos, detenha-se na parte de dentro das coxas e faça movimentos mais suaves. Por fim, ele já deve estar bem excitado, lave-lhe as partes íntimas com a esponja e o chuveiro, pode aproveitar para lhe fazer sexo oral. No fim pode pedir-lhe para que a lave também.

 

 

Rapidinhas

Fotolia_67774782_Subscription_Monthly_M.jpg

 

Sexo oral para a mulher

Porque o amor é dar e receber, peça ao seu parceiro que ofereça um mimo especial. Uma dica: "esqueça-se" da revista aberta nesta página em cima da mesa e deixe que ele a veja quando estiver sozinho. Se não resultar, experimente sussurrar-lhe ao ouvido, com voz quente "quero sentir a tua língua em mim… agora!" ou, numa abordagem menos direta, diga-lhe que adora os beijos dele, e que gostava ainda mais de os sentir noutra parte do seu corpo. Oriente-o e partam à descoberta deste momento tão íntimo e que vos irá dar tanto prazer.

 

Para a levar ao sétimo céu…

* Faça-lhe cunnilingus, é a técnica utilizada nas mulheres. O homem deve começar por acariciar e beijar o corpo a partir da boca e no sentido descendente, ou estando deitado por baixo da mulher e começando por beijar, lamber e cheirar as suas pernas e interior das coxas, usando as mãos para acariciar o exterior das coxas.

* Movimente as mãos ao longo da virilha e acaricie gentilmente os pelos púbicos. As coxas começarão a abrir-se ainda mais com a excitação, revelando os lábios interiores e exteriores da vagina.

* Afaste os grandes lábios e descubra o clítoris, mova suavemente a língua para a frente e para trás, para dentro e à volta da área. Chupe a ponta do clítoris delicadamente.

* Insira um dedo dentro da vagina, depois lubrificando a área do clítoris com saliva, continue a lamber. Varie a velocidade.

 

Beijo à "francesa"

Peça ao seu mais-que-tudo que repita "em baixo" exatamente o mesmo que faz com a sua boca…

"Gelado do amor"

Peça-lhe que imagine que está a comer um cornetto e que a sua língua reproduza os mesmos movimentos de quando está a lamber o fundo do cone de bolacha…

Espasmos de prazer

Quer seja ao lamber, quer seja ao chupar, as diferenças de intensidade e de ritmo provocam espasmos de prazer.

Quente e frio

Soprar ar quente, afastar-se da entrada da vagina e soprar ar frio.

Intenso

Com a língua, entra e sai da vagina ou da parte interior dos lábios, "penetrando-a".

Ela não aceita as rapidinhas

razoes-sexo-casual-663.jpg

 

"A minha vida sexual é bastante ativa, mas quando peço à minha namorada para darmos uma rapidinha, pois o meio envolvente não nos permite irmos mais longe ela nega-mo. Porque será?"

 

Caro leitor:

Nesta situação a lógica é bastante básica…o ser humano tem tendência a repetir aquilo que lhe dá prazer e a evitar o que lhe causa mal estar ou desconforto. Assim sendo, a sua namorada nega porque provavelmente uma rapidinha não é suficiente para lhe dar prazer, por isso ela não vai estar interessada em fazê-lo. O homem e a mulher são seres completamente diferentes no que diz respeito ao prazer sexual. A mulher necessita de tempo para estar totalmente excitada e lubrificada para que haja uma penetração sem dor e para que possa atingir o orgasmo, enquanto que o homem está pronto para a ocasião sem necessidade de grandes preparativos. Pergunte à sua namorada o que ela sugere que você faça para que ela também sinta prazer na rapidinha, pois não é justo que apenas você se divirta!!!!