Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

Consultório de Sexologia

Profª Drª Helena Barroqueiro

“Quero surpreender a minha namorada com massagens eróticas”

O nosso aniversário de namoro está próximo e eu gostaria de surpreender a minha namorada com uma massagem erótica, mas não sei como proceder.”

Gustavo, Lisboa

 

Caro Leitor,

 

A pele que reveste o corpo humano pode ser considerado como um órgão bastante complexo no que respeita à resposta sexual e por isso as massagens eróticas são uma boa forma de criar um encontro mais sensual e excitante, fazendo com que a sua namorada delire de prazer. O corpo humano está repleto de áreas com especial sensibilidade sexual, que são fortes zonas erógenas se forem corretamente estimuladas. Se quer impressionar a sua namorada, aconselho-o a comprar um livro que o ensine a respeito dessas zonas erógenas, tais como os pés ou as palmas das mãos. Depois utilize um creme de massagem com aroma sensual e deixe que a sua namorada aproveite todo o prazer que uma massagem lhe pode proporcionar. 

"Nao tenho apetite sexual"

Tenho 18 anos e já iniciei a minha vida sexual há algum tempo com o meu parceiro. O que se passa é que não tenho apetite sexual. Ele por vezes queixa-se, mas eu não tenho culpa de não me apetecer. Gostaria de saber se algo de errado se passa comigo, uma vez que ainda sou muito nova. Agradeço que a publicação desta mensagem seja feita sem qualquer nome identificativo.

 

 

Cara leitora,

é ainda bastante jovem e por isso está ainda numa fase de descoberta sexual. Aconselho que converse com o seu parceiro e que em conjunto explorem com mais calma e atenção todas as suas áreas erógenas. Dessa forma tanto a leitora como o seu namorado vão descobrir o que lhe dá prazer, o que vai ajudar a aumentar o seu desejo sexual. Aconselho também que a leitora experimente a masturbação em privado, e que depois partilhe com o seu namorado o que aprendeu.



“Quero surpreender a minha namorada com massagens eróticas”


 

“O nosso aniversário de namoro está próximo e eu gostaria de surpreender a minha namorada com uma massagem erótica, mas não sei como proceder.”

Gustavo, Lisboa

 

 

 

Caro Leitor,

 

A pele que reveste o corpo humano pode ser considerado como um órgão bastante complexo no que respeita à resposta sexual e por isso as massagens eróticas são uma boa forma de criar um encontro mais sensual e excitante, fazendo com que a sua namorada delire de prazer. O corpo humano está repleto de áreas com especial sensibilidade sexual, que são fortes zonas erógenas se forem correctamente estimuladas. Se quer impressionar a sua namorada, aconselho-o a comprar um livro que o ensine a respeito dessas zonas erógenas, tais como os pés ou as palmas das mãos. Depois utilize um creme de massagem com cheiro sensual e deixe que a sua namorada aproveite todo o prazer que uma massagem sensual lhe pode proporcionar.

 

Onde e como devo tocar-lhe?

 

 

Iniciei a minha vida sexual há pouco tempo e quando estou a fazer amor com o meu namorado fico nervosa porque não sei onde nem como devo tocar-lhe para o deixar mais excitado, pois sou inexperiente… pode ajudar-me? Onde é que os homens gostam de ser acariciados, e de que maneira?”

 

Teresa, Espinho

Cara leitora,

A descoberta da sexualidade e a exploração do corpo da pessoa amada é uma experiência maravilhosa e cada momento é inesquecível. Acima de tudo, e para além de qualquer regra sugerida por outros, dedique-se a conhecer o corpo do seu namorado em particular, estando atenta a todos os seus movimentos e à reação que cada gesto suscita nele. A pele possui um elevadíssimo potencial erógeno, sendo capaz de provocar desejo e excitação. Experimente acariciar com a ponta dos dedos, com os lábios, com a língua, com os seus seios e com qualquer outra parte do seu corpo as mais variadas partes do corpo dele. Pergunte-lhe se gosta, se prefere de outra forma. Não seja demasiado insistente, mas esteja sempre atenta ao feedback dele, à sua respiração, aos estremecimentos do seu corpo. Experimente acaricia-lo com o seu cabelo, se tem cabelo comprido, e varie o tipo de toques, alternando entre roçar ligeiramente e agarrar com firmeza, por exemplo. 

Masturbação: vá pelos seus dedos!

masturbation-4574-2121.jpg

 

Independentemente de ter um parceiro ou estar só, saber proporcionar prazer a si própria aumenta a sua autoestima, a confiança em si própria e, como lhe permite conhecer melhor o seu corpo, também faz com que tenha mais prazer quando está com um parceiro, pois ao saber exatamente que tipo de carícias a levam ao êxtase será mais fácil ensiná-lo a fazer o mesmo. Por outro lado, ao sentir-se mais autónoma e autoconfiante na sua expressão sexual isso torna-a naturalmente também mais sedutora. Assim, reserve algum do seu tempo a conhecer-se e a amar-se a si própria!

 

Em primeiro lugar, deve explorar bem o seu corpo, sem tabus nem receios. Para este momento tão íntimo procure um local confortável onde se sinta bem e saiba que não será interrompida. Pode por a tocar uma música que a deixe relaxada e a faça sentir-se bem. Ao contrário do que a educação que muitas das nossas avós e mães nos fez crer, não há nada de errado em observar, apalpar e sentir o seu próprio corpo – como quer que o seu parceiro o faça, se você sente vergonha de si?

 

Para ter prazer é imprescindível que se autorize a si própria a senti-lo, sem se autocensurar e sem se reprimir. Além da área genital, existe um sem-fim de outras zonas erógenas no seu corpo, que lhe provocam sensações de prazer quando são devidamente tocadas. Deixe que as suas mãos explorem a sua pele, seguindo ao sabor da vontade, detenha-se nos peitos, apalpe, aperte, desenhe círculos com a ponta dos dedos nas auréolas dos mamilos e sinta-os enrijecer, deslize pelo ventre, aperte as coxas, desça pelas pernas.

“Os homens têm um ponto G?”

 

“Uma amiga minha disse-me que também existe um “ponto G” masculino, e isso deixou-me muito curiosa, pois adorava surpreender o meu namorado! Onde fica? Como devo estimulá-lo?”

Luísa, Massamá

 

Cara leitora,

De facto existe um ponto no corpo masculino que quando estimulado pode causar bastante prazer, este ponto é a próstata, que está localizada na entrada do ânus. Esta zona pode ser o equivalente do Ponto G nas mulheres e, quando estimulada, pode provocar sensações muito intensas. A maioria dos homens, e também mulheres, não está familiarizada com esse facto, e por isso não incluem a estimulação da próstata como parte da sua actividade sexual. A próstata pode ser estimulada através da introdução gentil de um dedo no ânus. Muitos homens têm medo de experimentar esta prática por recearem que as suas parceiras pensem que são homossexuais, o que é completamente errado. Aconselho-a a surpreender o seu namorado utilizando um lubrificante para ajudar a penetração. Se verificar que ele realmente sente prazer através dessa prática, liberte-se de tabus e experimente este pequeno segredo!